SEJAM BEM VINDOS AO MEU BLOG, O OBJETIVO É FALAR DAS EXPERIÊNCIAS QUE TENHO AO LONGO DOS MEUS DIAS, AQUI SABERÃO UM POUCO DE MIM, DO QUE PENSO E DO QUE ACHO QUE SEI, BOA LEITURA E DIVERSÃO.

sexta-feira, 30 de julho de 2010

CONVITE: DIA 29, 30 e 31/07 - DAS 8 as 17h na IGREJA VINHO NOVO - RUA SÃO BARTOLOMEU - PRÓXIMO A BRACOM

DOCUMENTÁRIO RETRATA O HIP HOP NOS TEMPOS DO SÃO BENTO

Nos tempos da São Bento…….Quem viveu diz que não teve época melhor para o Hip Hop no Estado de São Paulo, quem não viveu esta época, poderá conhecer um pouquinho desta trajetória do Hip Hop Paulistano no documentário dirigido e produzido por Guilherme Botelho (DJ Guinho), Nos Tempos da São Bento, o documentário vem sendo rodado desde 2007 e busca a memória coletiva do Hip Hop, resgatando a história dos que fizeram parte desta fatia do Hip Hop ocupando por vários anos o espaço do Metrô São bento no centro da cidade de São Paulo.

Minuciosa, a estrutura discursiva leva ao conflito com o esquecimento; o ato social de se apagar fatos, pessoas e grupos da história, onde a personagem principal é a memória coletiva, o documentário conta ainda com, direção fotográfica e artistica feita por Cassimano, co- produção executiva Dj Alam Beat, apresentação Dugueto Shabazz, narração Paulo Brown, edição Mateus Subverso e trilha sonora Dj Hélio Branco e Arte Zerto 4.

Nomes como KL Jay, Pepeu, Tom Lú e João Break ilustram o documentário que conta com depoimentos de muitos nomes envolvidos no Hip Hop dos tempos da São Bento, que tem previsão para lançamento em novembro.

DINA DI CANTANDO PELA PRIMEIRA VEZ A MÚSICA ULTIMA CHANCE.

A ARTE DE DANILO RODRIGUES - http://hiphopdesenhos.blogspot.com





DEU NO JORNAL:







ALGUÉM QUER SER GENRO DO BEBETO???


EXTRAIDO DO BLOG DE SOPHYA ALMEIDA

Uma Questão de Escolha.


O coração anda no compasso que pode.
Amores não sabem esperar o dia amanhecer.
O exemplo é simples...
O filho que chora tem a certeza de que a mãe velará seu sono.
A vida é pequena, mas tão grande nestes espaços que aos cuidados pertencem.
Joelhos esfolados são representações das dores do mundo.
A mãe sabe disso. O filho, não.
Aprenderá mais tarde, quando pela força do tempo que nos leva, ele precisará cuidar dos joelhos dos seus pequenos.
O ciclo da história nos direciona para que não nos percamos das funções.
São as regras da vida.
E o melhor é obedecê-las.
Tenho pensado muito no valor dos pequenos gestos e suas repercussões.
Não há mágica que possa nos salvar do absurdo.
O jeito é descobrir esta migalha de vida que sob as realidades insiste em permanecer.
São exercícios simples...
Retire a poeira de um móvel e o mundo ficará mais limpo por causa de você.
É sensato pensar assim.
Destrua o poder de uma calúnia, vedando a boca que tem ânsia de dizer o que a cabeça ainda não sabe, e alguém deixará de sofrer por causa de seu silêncio.
Nestas estradas de tantos rostos desconhecidos é sempre bom que deixemos um espaço reservado para a calma.
Preconceitos são filhos de nossos olhares apressados.
O melhor é ir devagar...
Que cada um cuide do que vê.
Que cada um cuide do que diz.
A razão é simples: esse pode ser o primeiro passo para a nossa paz de espírito poder começar ou terminar, na palavra que que escolhemos dizer.
Parece simples não é?

EXTRAIDO DO BLOG - HOMEM É TUDO PALHAÇO

Palhaço de veraneio...


Viajei com a família para curtir as férias em uma cidade turística. Uma noite, saí para com uma prima para conhecer os botecos locais. Depois de muito tempo nos olhando de longe, um jovem palhacinho pediu pra para sentar na nossa mesa. Ele e o amigo sentaram e conversaram, pareciam até gente! Aí começa o espetáculo. O moço pediu e ganhou um beijo. Logo em seguida o tal amigo fechou a cara e quis ir embora. Eles me chamaram para ir com eles (?). Obviamente não fui e a dupla circense se foi. Que rufem os tambores! Aí vem a surpresa: fomos fechar a conta e o garçom nos diz que o guri e seu amigo não tinham fechado a conta deles. Palhaço e caloteiro, posso com isso?
Acho que fiquei com trauma dessa cidade. Na noite seguinte fomos a uma boate. Uma vodka aqui outra ali, e eis que vamos a caça. Se bem que naquela cidade, caçar é algo que não tem muita graça porque os palhaço se entregam com muita facilidade (e fazem palhaçada com mais facilidade ainda).


Arrumo um palhaço pseudo-intelectual. Depois de algumas danças e beijos, aparece uma morena com a cara muito ruim e dá um puxão no braço do artista circense. "Então, você tá com ela?". Gelei na hora e me afastei. Nisso, o palhaço intelectual me larga correndo, finge que nunca me viu, fala algo para o amigo e vai correndo atrás da morena. Eu fico lá plantada com cara de paisagem e o amigo dele me olhando, também com cara de paisagem e dizendo que a tal morena é uma ex barraqueira!
Muita palhaçada para dois dias só!!Que as férias melhorem!
Leitora R.M.

MÚSICA DO DIA:

EMICIDA - VAI SER RIMANDO

Corre as areias da ampulheta e nada, alem do amor maior
cada degrau na escada onde eu derramei o meu suor
A ver essas banalidade aonde os moleque se entopem
e se não for por isso então não sei pra que serve o hip hop
Faz mulher tremer, fique perva do vem-nenen
mas me fez esquecer a fome e botar fé de que eu ia
ser alguém
nego vislumbra, não ganha dimensão da treta
a responsa de mudar o mundo com a ponta de uma caneta
duplo deck varias cassetes estalam tipo coruja pelas TRACK
vara a madruga atrás da rima mais suja
verdadeiro a provar que não tô omisso
pra por no radio e dizer: tava faltando isso
momento faz a vida, a vida faz meus rap,
caso contrario é mentira boiando entre bumbo e clap
no teste, alma, família eu valorizo aqui...
existe 2 certezas, 1 é morrer, a outra é que :

Se eu cair vai ser rimando, me levantar vai ser
rimando
No comando, nunca vou a mando de ninguém.
Observando, batalhando perdendo ganhando
E se eu continuar na merda vai ser rimando também


Os cara cobra: E ai tio, cadê o disco com os raps?
Eu tento explicar que o bagulho é mais que ir pro estúdio da rec
minhas rimas tão na rua ai, e por enquanto é o seguinte
se não chegou ao seu ouvido não é pra você ser ouvinte

Curto as produça caseira mas não as de qualquer jeito
não sei porque assimilaram o underground ao mau feito
meus bagulhos são de coração, demora mais,
pra quando vagabundo ouvir essa porra cair pra tras
Consegui dispor meu sentimento em cada batida
Fazer valer pra quando alguém gritar: barulho pro Emicida
Minha vida, cada verso dos alegre é o mais triste
Se fosse só cantar, eu cantava as que já existe
Quando se pega o mic tem que ter algo a dizer,
o lugar de quem não pensa assim é no karaokê
Acho da hora observar os caras que faz por moda,
isso sempre me mostra o quanto os verdadeiro é foda

Se eu cair vai ser rimando, me levantar vai ser
rimando
No comando, nunca vou a mando de ninguém.
Observando, batalhando perdendo ganhando
E se eu continuar na merda vai ser rimando também

A rua é nois, mais do que um erro de gramática,
é a frase que sintetiza a brisa do sujo na prática
a última esperança de quem não crê em mais nada
vaga sozinho como Itogami na beira da estrada
liberdade é condicional assistida em todos os nível
por isso me esforço pra ser o mais livre possível
se nois cega com um olho os repórter que vem pra alugar
ano que vem tem 4 loiras dançando no nosso lugar
joga lavagem pros porcos, eles comem até explodir
a cota deles é tentar e a nossa era cair
abraça, que a mídia quer a vitória pra favela
abraça que as pretas vão ser vistas como belas
na tela, os patrão segrega, discrimina e da ânsia
comprova estereotipo pra provar a distancia
diz que idealismo morreu, foda-se quem se vendeu
sigo assim, nem que no fim eu grite: A rua sou eu

Se eu cair vai ser rimando, me levantar vai ser
rimando
No comando, nunca vou a mando de ninguém.
Observando, batalhando perdendo ganhando
E se eu continuar na merda vai ser rimando também.

FRASE DO DIA:

QUEM NO CRIME CLAMA POR AUDÁCIA E AMBIÇÃO?

30 de Julho de 2010

Como citei ontem, estou durante esta semana ouvindo o mixtape do Emicida e realmente estou satisfeito com asua qualidade som e de letra, o cara manda bem e é muito inteligente, gosto disso, o rap é a minha trilha sonora, me contagia, me joga pra cima, me faz refletir sobre o que eu faço e ainda posso fazer. O rap está na minha veia, me faz suportar e superar os desafios, pena que eu não sei rimar, acho que eu mandaria até bem, uma ex namorada me disse esses dias no msn que eu penso demais e questiono demais também, eu pensei, poderia usar essa qualidade que ela no caso considerou defeito para isso, não ??
Continuo na minha luta, aprendendo, apanhando, cantando, sorrindo, chorando, refletindo, memorizando, atuando, contando, andando, correndo, parado, rápido, devagar, lendo, escrevendo, dormindo, cochilando, suando, zoando, catando, beijando, abraçando, odiando, mas agora só de vez em quando.
Ainda vou tentar rimar...
Bom dia.

quinta-feira, 29 de julho de 2010

A ARTE DE DANILO RODRIGUES - http://hiphopdesenhos.blogspot.com





EXTRAIDO DO BLOG DE GEANDRA ATHAIDE

Eu Te Amo Não é Tudo

O desejo ainda é o mesmo, a vontade não diminui, mas a inspiração está fajuta, a presença é rara, os momentos escassos...
Tenho que te ter na memória, fico perdida em meus pensamentos lembrando que um dia muito foi pouco... Hoje o pouco já é muito...
Pra que me acostumastes a ti??? Pra que me fizestes querer a todo o momento???
Podia ser só um free-lance... Um amor desses que só o desejo fala alto, só o encontro dos corpos num fim de tarde para matar a fome já basta... Mas não, me fez envolver, me fez apaixonar por ti, desejar cada centímetro de você junto das minhas medidas, me fez querer seu cheiro a perfumar-me a todo o momento... Não o quero por uma noite a cada 30... Quero ver seu sorriso, seus olhinhos puxados a me procurar, suas mãos grandes a segurar-me por pelo menos 25horas por dia... 32 dias do mês... Quero você a todo tempo e mais 5 minutos, não quero ver você virar na esquina e sumir ao meu alcance, não quero ouvir: "depois nos falamos"...
Tenho me acostumado com sua ausência, cada vez mais presente, cada vez mais em mim...
Tenho me visto sempre perdida em pensamentos, perdida nas lembranças de você... A estrada se dividiu em três bem a minha frente, e não sei em qual seguir...
Tenho estado em paz comigo, em paz com meus sentimentos, mas carente de você, carente do seu calor... Necessitada de você, necessitada apenas de um beijo seu...
Olha para nossa trajetória e veja bem o rumo que estamos tomando e perceba que o "eu te amo" não é tudo... Que só amar não basta, não supre, não acalenta, não acalma só ajuda, só faz querer mais e mais...
A confusão sempre tomou conta de mim, isso nunca será novidade, idéias sem nexo, vontades sem ação... Mas nunca estive confusa com certezas... Tenho certezas que me fazem ficar ainda mais em desalinho nos meus pensamentos...
Meu pessimismo tem me deixado em paz, caso assim não fosse já teria enlouquecido, tenho tentado acreditar que tudo vai dar certo e que tudo isso é somente provisório, que você vai... Mas que você sempre retorna... Mas tem demorado demais... Tem me deixado demais acostumar-me a falta de você...
A saudade já virou crônica, já me habituei a ela, e convivemos bem, já nem brigamos mais... Às vezes a falta do seu beijo é o que dói um pouco ainda, é o que me faz gritar por dentro, a falta do seu abraço forte e de encher as mãos do seu corpo farto... Mas quanto à saudade, nem tem me machucado tanto...
Pense bem e jamais se esqueça dessa frase: "Eu te amo" não é tudo!!
Gê Ataide.

AMO-TE(AINDA)

EXTRAIDO DO BLOG - HOMEM É TUDO PALHAÇO

Eu, leitora e empresária circense

Vocês se chocaram com o Palhaço Cristão? Então chupa essa manga:


Moça de uma religião super conservadora, que proíbe o sexo antes do casamento, conheceu um palhaço. Ui, o homem da vida dela. Mas detalhe, o príncipe encantado não era da igreja dela. “Mundano”, como alguns costumam dizer. Os dois se apaixonaram e eis que a virgem deu pra ele.

Ela foi expulsa da igreja, mas continuava namorando com o grande amor da sua vida e estava feliz. Até que, vejam como é a vida, o bruto resolveu se converter pra ex-religião da amada! E não é que o artista se batizou na igreja e tudo? Adivinha? tempos depois, o bonito terminou com ela, assim do nada. O motivo?

Se o amor dela por Deus não foi suficiente pra que acatasse a ordem bíblica de não transar sem casar, imagine como era o amor dela por ele, que, afinal de contas, não era nenhum deus?

Oi?

JOGO LIMPO:

Olá amigos, tivemos na noite de ontem dois grands jogos, o primeiro jogo da final da Copa do Brasil entre Santos X Vitória BA e uma semifinal brasileira na Libertadores entre Internacional e São Paulo.
Começando pelo jogo da Copa do Brasil, o Santos apesar de ter perdido um caminhão de gols, entre eles a forma irresponsável de cobrar um pênalti do Neymar que muitos ainda vão defender, mas final não é local para gracinhas do tipo a que ele ontem tentou, faltou com respeito ao seu time, ao adversário e a torcida, por isso defendi a sua não convocação para a Copa, o cara tá mascarado mesmo, já o Paulo Henrique Ganso não, o cara dá um toque de classe aquele meio campo, tá sobrando em campo, com poucos toques coloca um companheiro em boa condição de concluir a gol, tá pronto como muitos falam. O placar de 2x0 com gols do próprio Neymar e Marquinhos foi bom sim, mas poderia ter sido mais amplo e o time da baixada santista poderia chegar a Salvador com o título garantido se quisesse, pois o time baiano comandado por Ricardo Silva não foi nem sombra do que é geralmente.
2x0 é um placar reversivel, vimos a pouco tempo o Sport levar a Copa do Brasil em cima do Corinthians com uma situação bem parecida, é bom Dorival Júnior abrir o olho.

Já no Sul do pais, tive uma decepção com a postura do São Paulo, acredito que o limitado treinador Ricardo Gomes tenha se inspirado no medroso José Mourinho quando este colocou o time de Internazionale todo atrás contra o poderoso Barcelona no Nou Camp pela Champions League, o que muitos chamaram de estratégia, eu chamei de covardia e vergonha, pois um time com tantos jogadores de nome, fazer aquilo foi um dos maiores absurdos que eu vi, se eu fosse torcedor presente naquela partida eu pediria no minimo meu ingresso de volta e ontem o São Paulo fez exatamente assim contra o Internacional, só deu o Colorado, D´Alessandro, o mentor do time gaucho, criou boas jogadas que Rogério Ceni tratou de pegar enquanto pôide, só não pegou a virada de corpo do Giuliano que virou uma espécie de talismã do time.
O placar de 1x0 também é reversivel, mas marca a queda brusca de um time cujo a parada da Copa fez muito mal, o time paulista estava bem e vinha numa crescente, a parada tirou esse clima, matou essa evolução, parece que está tudo começando de novo. Time, torcida e motivos para reverter a situação, o tricolor paulista teem de sobras. Vamos esperar a quinta para ver quem pode mais e quem segue em frente.

RAPIDINHAS:

- Nesse fim de semana tem o clássico de maior rivalidade do Rio e um dos maiores do mundo, mesmo não vivendo grandes momentos no Brasileiro, Flamengo x Vasco farão um jogo bom com muitas novidades, o Vasco deve ter as estreias de Felipe, Zé Roberto, Éder Luis e o craque Carlos Alberto de volta, o Flamengo trocou Kléberson por Gilberto Silva e anunciou a contratação de Leandro Amaral, que não teve muita sorte depois que saiu do Vasco há três anos, aliás, o time cruzmaltino tem disso, parece praga, alguns jogadores brilham no time de São Januário e depois que saem somem, são os recentes casos de Morais que foi para o Corinthians e não vingou, hoje tá no Bahia, o próprio Leandro Amaral e Alex Dias que saiu para o São Paulo, não se deu bem por lá, veio para o Fluminense e depois vagou por meio mundo de times, hoje se encontra no América RJ, Romário arranjou uma boquinha pra ele lá.

- Nesse domingo as nove horas da manhã, teremos o GP da Hungria direto de Budapeste, para mim, a Fórmula 1 já perdeu muito de sua graça faz tempo desde que a competição passou a aturar as maldades e sujeiras do alemão Michael Schumacher, a manobra desonesta da Ferrari e a passividade de Felipe Massa, só me deixaram mais convicto de que não devo perder horas preciosas do meu sono para ver uma competição que pode ter o resultado definido horas antes. A Globo transmite.

- Mano Menezes mandou bem na sua primeira convocação, claro que sabemos que ele inventou alguns nomes nessa relação de 24, mas todo mundo é assim, ninguém é perfeito. Faltou jogadores como Kléber Gladiador, Elias, Coutinho, Diego, Vágner Love e até o Richarlyson, mas gostei de alguns nomes que ele colocou pela primeira vez com a amarelinha, como o zaguueiro David Luiz, e o ótimo Paulo Henrique Ganso. Se o Bruno não estivesse envolvido em toda essa sujeira atual, com certeza ele estaria entre os convocados, vinha jogando bem e poderia até ser titular do gol nessa nova fase.

- O Fluminense trouxe de volta Washington, depois da oitava contusão do seu atacante principal Fred, estou prevendo o tricolor carioca como o tricolor paulista dos tempos aureos, cheio de opções para Muricy.

Por hoje é só. Até quinta.

MÚSICA DO DIA:

EMICIDA -SOZINHO

Sou meio lobo solitário, eu sempre sigo sozinho
Desde pivete eu tenho amigos, mas me sinto sozinho
Meus problemas são meus, eu vou resolver sozinho
Não sou muleta pros vermes, por isso eu sigo sozinho

Sou meio lobo solitário, eu sempre sigo sozinho
Desde pivete eu tenho amigos, mas me sinto sozinho
Meus problemas são meus, eu vou resolver sozinho
Não sou muleta pros vermes, por isso eu sigo sozinho

Sentindo frio, no meu terno vazio
Só quem conhece viu
Como meu olhar é distante e eu não sou daqui
Não me sinto parte integrante da obra
Eu me vejo como um estranho num ninho de cobra, é foda
Meus pensamento é mais podre que o que resta da feira
Escrevo carro na esperança que algum deles queira
Não vou sorrir só pra fazer uma social
Me tornar o verdadeiro falso pros falso isso é real
E essa é a minha maldição
Seguir sozinho na multidão, com tantas incertezas
envenenando o coração
Se é cada qual na sua solidão, eu tô na minha
Pega o vacilão, se perde porque não tem o que botar nas
rimas
Ou como os bandidos que a cidade esconde no beco e deserto
Amoado igual rato com medo de quem chega perto
Mas sou eu desconfiado e receoso
No semblante mau humorado do inofensivo mais
perigoso...
Agora eu penso várias bostas
Vários perguntam se eu estou bem, mas poucos se importam
com a resposta
Vai aumentando a agonia no morro
Quanto mais eu conheço as pessoas, mais eu gosto dos
meus cachorros
Os oposto não se atrai
Vejo os versos que se trai
Sigo sozinho com os fone no carro dos meus iguais
Olhando as faixas no asfalto, eu penso o seguinte
Pra quem quer viver cem anos, eu já tô bem triste com
vinte
Fui mandado de volta pra concluir a missão
Não pra virar um derrotado e colecionar frustração
A opção, diminuir o tanto de gente ao redor
Mas ter menos decepção e assim vai ser bem melhor
Sob a luz de mercúrio nos planos, assim tô fudido
Se desse pra explicar, eu já teria entendido
A confiança é uma mulher ingrata numa orgia
Mas graças a Deus nunca fui de me perder com as
vadias...

Sou meio lobo solitário, eu sempre sigo sozinho
Desde pivete eu tenho amigos, mas me sinto sozinho
Não sou muleta pros vermes, por isso eu sigo sozinho

Sou meio lobo solitário, eu sempre sigo sozinho
Desde pivete eu tenho amigos, mas me sinto sozinho
Não sou muleta pros vermes, por isso eu sigo sozinho.

FRASE DO DIA:

MALANDRO QUE VIVE DE MONTÃO, É PAI DE FAMILIA, NÉ JÃO ???!!!

29 de Julho de 2010

Nas minhas pesquisas ouvindo rap, estou apaixonado pelo som do Emicida, suas letras e tiradas aliadas a um ritmo cortante como navalha, extremamente dançante, para mim, isso é muito importante e assuntos atuais tem me feito ouvvir por seguidas vezes seu mix tap comprado no ano passado no Hutúz, quem gosta do meu som nas festas e eventos da Cufa poderão conferir logo, logo esses petardos musicais.
Uma música que me chamou muita atenção nessas audiencias foi a faixa intitulada Sozinho, que relata bem o meu momento, o meu estado e o meu modo de sentir ver a vida, ontem no MSN, fiquei um bom tempo trocando ideia com uma nova amiga, falamos de tudo, do seu noivado, dos meus relacionamentos, de nossas experiencias, foi interessante falar por tanto tempo com uma pessoa e simplesmente não enjoar, sempre afirmei que prefiro sempre o conteudo à embalagem, para mim por mais incrivel que possa parecer, vale muito mais o bom papo, a inteligência do que simplesmente um rosto e um corpo bonitos, quando as qualidades são aliadas as formas, isso é bom pra caramba, satisfação para os olhos, boca, ouvido e coração.
Nessa de estar sozinho, vou tocando meu barco, projetando voos, durmo sozinho, sinto frio, sinto medo também, vago sozinho, ando sempre sozinho, me sinto sozinho no cair da noite e no fim de semana, viajo sozinho, decido sozinho, rumo sozinho, brigo sozinho, choro sozinho, estou sempre só de uns tempos pra cá.
Não tem graça comer sozinho, viver sozinho, sentir sozinho, escrever sozinho, ouvir sozinho, rir sozinho, trabalhar sozinho, brigar sozinho, amar sozinho então...
Andar sozinho, pensar sozinho, escolher sozinho e conseguir as coisas sozinho, depois de um bom tempo, estou reaprendendo a ser sozinho.
Na verdade, eu nunca fui de andar com galera, sempre fui sozinho e sai sozinho, sempre gostei de morar sozinho e fazer as minhas coisas sozinho, nunca esperei e nem me deixei usar por ninguém, mas nos dias de hoje, ser sozinho, andar sozinho e fazer as coisas sozinho, mesmo que a sua companhia te atrase, é errado. O mundo mudou, dizem ter se tornado coletivo, na minha opinião, pura mentira, cada vez mais as pessoas estão cercadas de mais pessoas e se sentem ainda mais sozinhas.
Reaprender a ser só, me acostumar a voltar ser só, a ficha enfim caiu eu acho, eu e meu mundo e só.
Ficar um bom tempo olhando pro nada, pensando no nada, imaginando o nada, sonhanado com o nada, viver sozinho é um nada. É duro se alegrar só, comemorar só, curtir uma coisa boa só, beber só, comer só, dançar só, sair e se divertir só.
Bom dia.

quarta-feira, 28 de julho de 2010

CONVITE: DIA 29, 30 e 31/07 - DAS 8 as 17h na IGREJA VINHO NOVO - RUA SÃO BARTOLOMEU - PRÓXIMO A BRACOM

MATANDO SAUDADES DOS MEUS TEMPOS DE OPERADOR DE SOM:







A ARTE DE DANILO RODRIGUES - http://hiphopdesenhos.blogspot.com





DEU NO JORNAL:






MÚSICA DO DIA:

EMICIDA - EU TÔ BEM

Aí! Irmão, olha a minha face,
Nunca vi problema em ir de 1ª classe
Em dizer: 'Tem do que? Vai querer?'
Tá, pô trazer, fazer o que se quer fazer,
Sonhar sem pensar em carnê, conclusão:
Ter crédito na palavra e no cartão
Conta paga, sonho de quebrada;
Tá vivo é uma coisa, se sentir vivo é outra parada
Vai, olha o que cê tem ao redor,
Vale a pena, então levanta, dá o seu melhor
Nobreza é espírito puro, verdadeiro
Quanto a pobreza, essa sim tem a ver com dinheiro
Vi de dentro 99% dos tipo de miséria,
Acho que sei o quanto essa parada é séria;
Eu vejo DVD's do Wu-Tang, mas vejo "Pequenas Empresas e Grandes Negócios" também.


É hora do show (Assim?)
Melhorou (Que tal?)
Um boot pra combinar (E ae?)
Se ligou? (Heeey)
É tão bom relaxar nesse lugar (Eu tô bem!)
Com riso bonito de quem chorou tanto
Até o infinito através do meu canto
Com a fé no meu santo
Pros cara sem pranto (E eu?!)
Para, eu garanto!

Porto Alegre: Cachecol (Hã)
Porto Seguro: Óculos de sol (Ahã)
Porto de galinhas: Sundown, Sundown;
Não preciso de um boné de 500 conto (Não!)
Preciso de um boné que eu gosto e pronto,
Tinta pra escrita já me deixa feliz (Como quis)
Moças bonitas com sorriso de Miss (Tipo atriz)
Foi várias fita, vivi por um triz (Seu Juiz)
Com toca-fita olha tudo que eu fiz (Então please)
O que nos diz respeito:
Alegria, paz
Coisas que não se vê todo dia,
Crer no sonho não é coisa da infância
Eu pedí, não perguntei o preço (Que Petulância!)
Pretos foram escravos, serviçais, reis a um tempo
atrás,
Não preciso dizer com qual me identifico mais,
Solta o cabelo, vai esbanja
Tipo: "Jaime, o menino está com sede e nós não temos
laranja"



O rapaz da gravadora ligou (Ligou!)
Só que eu fui idealista demais, aí ele desconversou,
Só falto dizer: "Foi engano!"
Putz, tinha que ter gravado isso mano;
Pensei e dispensei
Após refletir: Por que nós?
Ou melhor: Por que não nós?
Sem querer ser outra parada, gritar (West Coast!)
E ser real, natural igual cabelo crespo(U)!
Mostrar mais meu sorriso amarelo (Pin!)
Mamãe, você é uma rainha e eu tô providenciando o
castelo;
Na de compor (Hoo!)
Na de me recompor, pela história
Não é trampo, tô só temperando as vitórias;
Destaque no aeroporto, estranho no ninho
-Moça tá olhando o quê?
Faz aí o chequim dos irmãozinhos;
Sou o Emicida da rinha,
Tá vendo aquelas pegada de barro no tapete vemelho?
É minha!

FRASE DO DIA:

ACORDA PRA VIDA, OH NEGUIN
TIRE O PÉ DA LAMA, O SISTEMA TRAMA O FIM.

28 de Julho de 2010

Fiquei impressionado quando sai ontem pela manhã aqui da rádio e ganhei as ruas da cidade, fui direto como sempre faço a banca de jornal mais próxima para ver algo que eu não tivesse visto pela net, sou da antiga nesse caso e ainda prefiro o bom jornal de papel, pois as coisas ali parecem ser mais claras e assim também posso sentir a reação das pessoas quanto aos assuntos e manchetes ali expostas, bem, a minha surpresa foi encontrar no Extra, um jornal ligado a rede Globo, que questionava na sua primeira página as coisas que ontem eu questionei aqui no blog ao falar do caso da morte do filho da Cissa Guimarães, o Rafael Mascarenhas, ontem a noite quando cheguei da igreja, também assisti uma noticia sobre um atropelamento nas ruas de São Gonçalo, distrito de Niteroi três dias antes do ocorrido com o skatista e o carro e o seu dono só foram identificados dez dias depois.
O mundo precisa de atitudes, ontem na igreja, eu ouvi uma palavra a esse respeito, de como temos levado a nossa vida e o que queremos dela, por certo Deus tem o seu tempo para tudo e para todos e não creio que convém antecipar nada, mas creio que quando temos atitudes verdeiras e corretas, acabamos por atrair as coisas positivas de uma maneira sem igual, falta isso não só em mim e em você muitas vezes, falta na população inteira. Falta respeito, educação, caridade, compaixão, humildade, honestidade em toda a nação, queremos sempre estar por cima, acima, levando vantagem, ganhando mais, lucrando o dobro e para isso não importa o próximo, essa cultura invade a minha casa e a sua também, toma conta das ruas, sufoca o coletivo e quebra qualquer laço de união e de algo reciproco no sentido de que gentileza, geraria gentileza.
As pessoas não sabem pedir licença, falar um muito obrigado, um por favor...
Essa cultura do jeitinho brasileiro faz com que muitos recebam e paguem propina, faz com que muitos andem impunes acima da lei, faz com que a relação patrão e empregado, seja de feitor e escravo, faz com que a periferia apesar dos esforços recoinhecidos do governo federal e muitos governos estaduais, ainda fique bem aquém das classes A e B.
Já ouvimos que a verdadeira malandragem é viver, mas viver como, viver de que ?
Nos orgulhamos na maioria das vezes da noite de bebedeira que tivemos, da noite de farra, do fato de termos beijado 4 , 5 ou 6 mulheres numa noite, nos orgulhamos de ter sacaneado alguém, de ter humilhado o próximo, de ter passado alguém pra trás, de trair, de xingar, de dar esporro em alguéme por ai vai.
É necessário atitudes diferentes, porque isso nos contamina como sociedade por completo, não importanto a classe social. O que causa tantas mortes no trânsito, o envolvimento de mais e mais gente com o mundo das drogas e tantos outros males que nos agridem e que hoje nos empurram para dentro de nossas próprias casas que na verdade viraram prisões, são oriundas dessa cultura que nos cega, nos deteriorae nem a nós mesmos respeita.
Mudança de atitudes, mudança de valores, mudança de conduta, mudança de pensamento...
Eu quero ficar bem e desejo isso pra você também.
Deus está do nosos lado pronto a nos atender, mas muitas vezes não temos as coisas que desejamos de fato, porque não sabemos pedir e nem temos atitudes que condizem com essas realizações.
De que adianta eu sonhar com um carro se eu não aprendi a dirigir?
De que adianta querer ter grana se eu não me preparo para isso?
O carro vai mofar numa garagem, caso eu tenha ou no tempo, e o dinheiro irá como o vento.
Pense nisso, bom dia!!

terça-feira, 27 de julho de 2010

EU RECOMENDO:

A ARTE DE DANILO RODRIGUES - http://hiphopdesenhos.blogspot.com





EXTRAIDO DO BLOG - FLÁVIA CHAVES

CONTROLANDO A MENTE



O principal entrave para que entremos em contato com nossa real natureza é a mente. Aos poucos, na medida em que avançamos em nosso autoconhecimento, a principal descoberta que realizamos é a total ausência de controle que temos sobre nossos pensamentos.

Ser dominado pela mente é o que nos impede de acessar a dimensão divina de nosso ser. Somente quando ela silencia o turbilhão de pensamentos é que o silêncio se faz presente e podemos, então, ouvir a voz que se oculta em nosso interior.

Mas, como conseguir parar a mente? Esta não é uma tarefa fácil, pois somente a consciência e um permanente estado de alerta sobre nossos pensamentos, sentimentos e sensações físicas, podem nos ajudar a alcançar este objetivo.

A meditação é o caminho, mas podemos também aprender uma técnica bem simples, que consiste em finalmente assumir o papel de senhor da mente, ao invés de escravo dela.

Através do poder das palavras, podemos enviar comandos à nossa mente, ordenando-lhe o oposto daquilo que ela nos apresenta. Se ela nos apresenta o medo, podemos contrapor a ele a palavra coragem.

Além disso, a palavra silêncio, tem o poder de parar por alguns segundos o turbilhão de pensamentos, quando a utilizamos repetidamente.

Os mantras funcionam do mesmo modo e, ao repeti-los, a mente se vê obrigada a entrar na energia daquele som. E, assim, vamos nos surpreendendo ao descobrir que podemos determinar o padrão de pensamentos de nossa mente.

Esta é uma diferença essencial entre o viver no estado de adormecimento e na condição de ser desperto e consciente.

"PALAVRAS
Palavras não são apenas palavras. Elas têm disposições de ânimo, climas próprios.

Quando uma palavra se aloja dentro de você, ela traz um clima diferente à sua mente, uma abordagem diferente, uma visão diferente. Chame a mesma coisa de um nome diferente e perceberá: algo fica imediatamente diferente.

Existem as palavras dos sentimentos e as palavras intelectuais. Abandone cada vez mais as palavras intelectuais, use cada vez mais palavras dos sentimentos. Existem palavras políticas e palavras religiosas. Abandone as palavras políticas. Existem palavras que imediatamente criam conflito. No momento em que você pronuncia, surgem discussões. Assim, nunca use uma linguagem lógica e argumentativa. Use a linguagem do afeto, do carinho, do amor, para que não surja discussão alguma.

Se você começar a ficar consciente disso, perceberá uma imensa mudança surgindo. Se você estiver um pouco alerta na vida, muitas infelicidades poderão ser evitadas. Uma única palavra pronunciada na inconsciência pode criar uma longa corrente de aflição. Uma leve diferença, apenas uma virada muito pequena, e isso cria mudança. Você deveria ser muito cuidadoso e usar as palavras quando absolutamente necessário. Evite palavras contaminadas. Use palavras arejadas, não controversas, que não são argumentos, mas apenas expressões de suas impressões.

Se você puder se tornar um especialista em palavras, toda a sua vida será totalmente diferente. Se uma palavra trouxer infelicidade, raiva, conflito ou discussão, abandone-a. Qual é o sentido de carregá-la? Substitua-a por algo melhor. O melhor é o silêncio, depois é o canto, a poesia, o amor.

Por Elizabeth Cavalcante

MÚSICA DO DIA:

MV BILL - EU NÃO ACREDITO

Não acredito, se for preciso eu repito
Não boto fé no pela saco que se transformou em mito
Evito comparação, veja bem como estão
Acreditando na imagem fabricada não pega nada
Na minha casa meu batuque é diferente
Não queremos um boneco pra representar a gente
Comandado por um controle remoto não tem o meu voto
Faz de mim um descrente, não um inocente
Que confia na cara safada
Que deslavada alimenta a ilusão
Pela televisão vejo idolatria
A um rei que tem um reino que não merecia
Vicia no reinado, trata nós como coitado
Propaga a putaria e não se sente culpado
Eu não acredito, na vagabunda que mostra a bunda na revista
Depois que fazer programa infantil
Vive intensivamente sua vida de artista
E vira a página fingindo que ninguém lhe viu.
Vivemos numa placa tectônica
Aonde os versos caem como uma bomba atônica
Atirador de Elite, da quadrilha sinfônica
Função social, televisiva, irônica


Quem não acredita que pague pra ver
A reprodução da besta na "TV"
Na programação tentam te esconder
Dizendo como você tem que ser
Quem não acredita que pague pra ver
A reprodução da besta na "TV"
Na programação tentam te esconder
Que é fácil de ver

Eu também quero grana, tipo Tony Montana
Mas não vendi a minha alma por causa da fama
Que engana na malandragem praiana
E diz que nos ama
Quem acredita senta na banana e explana
A ideologia individualista
Sufoca o coletivo com um regime nazista
Eu não acredito que a salvação virá de cima
Se aqui embaixo o esculacho deixa tenso o clima
Perigo na sua frente, caixote reluzente...
Que da a sensação liberdade escravizando a mente
Nem sente que esta sendo traído
Por aquele que pedia pra gente ficar unido,
Testando a sua fidelidade invade a sua privacidade
Mostra incapacidade em quem virou celebridade
Que perde a amizade mas não perde a pose
Sem qualidade com oportunidade ta em close


Quem não acredita que pague pra ver
A reprodução da besta na "TV"
Na programação tentam te esconder
Dizendo como você tem que ser
Quem não acredita que pague pra ver
A reprodução da besta na "TV"
Na programação tentam te esconder
Que é fácil de ver

Eu não acredito, veja como vive um povo aflito
Promessa de um mundo mais bonito
Enquanto a terra gira eu reflito, repito, conflito...
Quem sabe não aprenda com a nova civilização
Nem todo aquele que errou, vai merecer perdão
Tem gente que perde a oportunidade e cai na maldição
E fica preso no alçapão nadando com tubarões pra não
Virar comida de leões
Conflito entre nações, massacrando multidões...
Fique na atividade você também
Não acredite pela ganância, pelo poder não se tem limite.

FRASE DO DIA:

NÃO TEM CARRO BOMBA EXPLODINDO EM BAIXADA
E NEM CADEIA CENOGRÁFICA.

27 de Julho de 2010

Teve gente que pensou ou ainda anda pensando que depois que virei ´´crente``, virei um alienado, isso é uma ideia errada a respeito do cristianismo, pelo contrário, estou hoje muito mais atento as coisas, pois ser protestante de verdade é olhar tudo ao redor por outros ângulos inclusive, o ângulo espiritual é um deles, hoje eu vou tocar num assunto que ganhou a midia de uma semana pra cá, o atropelamento do filho da Cissa Guimarães, o Rafael Mascarenhas e a tentativa de se safar da familia e do próprio atropelador.
A situação que ocorreu, mostra o quanto a elite do nosso pais bem retratada nessa familia, caga e anda pra quem eles julgam ser inferiores, quando o cara atropelou e tentou de certa forma vazar, ele julgou ser mais um qualquer que ele havia jogado pra cima com seu potente carro de pega, não isento os policiais envolvidos que foram e são verdadeiros vermes, mas se o cara que atropelou realmente quisessse ser integro, não teria aceitado pagar propina a policia e muito menos evadir- se do local, o bicho pegou porque o morto era filho de alguém famoso, porque se fosse eu ou você estariamos por ai enterrados e com nossas familias sem ter quem recorrer.
Se fossemos nós os atropeladores, com certeza estariamos ai sendo suplantados pela midia desse pais que adora um sensacionalismo, seriamos chamados de assassinos e tal, mas como o atropelador também tem pedigree, a situação se acalma e até então, ele é somente um suspeito, também não isento o atropelado do seu erro de estar num lugar que não era permitido, mas ninguém vai imaginar que dois playboys com seus possantes carros não sabem pisar no freio ou se pra eles, a vida vale menos do que foi apostado no tal pega. Pega é coisa de babaca, é atitude de gente que não se garante e quer impressionar determinada pessoa, é coisa de gente mesquinha e que se acha acima do bem e do mal, só porque tem o pai ou sobrenome de rico, não tem como relevar o que eles fizeram, agora posam de vitimas também, puro papo furado, se Rafael fosse um zé ninguém, estaria tudo certo e os vermes de farda estariam por ai a pedir mais R$10 mil a mais babacas que fazem do pega uma atividade normal.
Veja diferença de situação agora, compare o assassinato do menino Wesley de 11 anos numa atitude super atrapalhada da policia e o atropelamento fatal do filho da Cissa Guimarães, sei que a morte causa dor a pobres e ricos, mas como isso é abordado pela sociedade, isso que eu tento levar agora a sua mente.
O que de fato importa, Wesley como o seu próprio pai disse no dia do seu enterro, foi só mais um a entrar nas estatísticas, um menino que morreu estudando, com o lápis na mão. Já Rafael, provavelmente, vai ter até tributo pra ele no futuro, morreu andando de skate, vitima de gente do seu próprio naipe e de sua própria estirpe, vitima de gente que teve provavelmente a sua cultura e o fez entre aspas, provar do próprio veneno. A elite trata quem é pobre assim, como inferior, como subalterno e Rafael por instantes foi visto assim.
Assim como a policia e a própria elite faz com o pobre, atira primeiro e pergunta depois, com Rafael também foi feito algo semelhante, mataram primeiro, tentaram fugir e só apareceram, no caso, se entregaram, porque ele era famoso, tinha nome.
Esse papo de elite unida a pobre me incomoda, esse papo cheio de cao de rico usar a favela como ponto turistico e sempre posar como superherois também que levam o bem até a favela, é claro com algumas exceções, me deixa puto. Na hora da verdade, as máscaras caem e como diz o MV Bill saberemos quem é quem e de que lado estarão. Eu já sei de que lado eu vou estar e você ?
Bom dia.